-

-

16 de maio de 2011

não dá pra ser feliz o tempo todo

sempre senti que faltava algo em mim e sempre achei que encontraria nele. engano meu. Era um vazio enorme, no qual nada podia preencher. Faltava sentimento, sobrava esperança. era como se faltasse um motivo pra estar ali, mas eu sabia que havia um, por isso nunca desisti. Ocupava minha mente, para não encher minhas malas, era o que dava vontade de fazer, fugir, fugir e fugir. Mas eu permanecia ali, esperando um motivo, qualquer que fosse para poder sorrir, esperando alguém pra implorar que não partisse. Eu precisava me desligar de tudo que me fazia infeliz, precisava amar, me amar. E foi o que fiz, me libertei de tudo que me botava pra baixo, até que finalmente me olhei no espelho e vi a unica pessoa que me amava profundamente, e dali em diante passei a ser amada sempre, todo dia, por mim e por outros, aah hoje sou tão apaixonante que procuro manter uma certa distancias das pessoas pra não ser amada demais. É tão mais fácil quando não se tem um buraco no coração. Claro ainda tenho meus momentos tristes, não dá pra fingir sempre, ás vezes me escapa um pouco de infelicidade-não dá pra ser feliz o tempo todo- mas sempre que sinto que uma lágrima vai descer, saio, vou contar uma de minhas piadas estúpidas pra fazer alguém sorrir, afinal tem algo mais prazeroso que fazer alguém feliz, o dia fico sem um sorriso bobo é como se esse dia não existisse, pois não o vivi. Pois é eu comprimento estranho, rio de cantadas idiotas, faço palhaçada e choro de rir, esses são os bons momentos da vida. É pura verdade o que dizem sobre seguir regras, nunca as quebre mas se quer se divertir tem que rachar algumas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário