-

-

8 de maio de 2011

que se dane.

sempre tem um momento em nossa vida que a gente cansa de se fazer de bobo. Pois é cansei. eu sempre fui do tipo de garota exemplo; tinha boas notas, era bem comportada, não usava decote nem mini saia, respeitava todos mesmo quando não era respeitada, não falava palavrão, enfim era uma ingênua e comportada garota sem sal. Até que resolvi mudar, arrumei novos amigos, tratei de arrumar um cara idiota, porque uma ex menina boba tem que ter um cara mais idiota do seu lado, ela precisa se sentir superior. (tomara que ele não leia isso-ou não) . Mudei muito mas algo continuava do mesmo jeito. Continuavam não dando valor no que fazia, me sentia mau por isso era como se eu não existisse, tentei ser a garota esperta mas meu lado bobo era muito maior que a minha vontade de mudar. Talvez porque não deveria deixar de ser boba, hoje ainda sou mas aprendi a lidar com isso, não me iludo como antes. Depois desse tal cara idiota, apareceu outro que fez eu me sentir 'A idiota'. Acreditava em tudo que ele dizia, me vi como a bela Adormecida bem na frente do meu príncipe, mas graças a Deus acordei. Aquela minha revolta de adolescente frustrada passou, vejo o mundo com outros olhos, as porradas que levei da vida ajudaram a colocar minhas idéias no lugar. Não tenho mais vontade de matar ninguém, por mais que me magoe aprendi a perdoar, e tudo de positivo e negativo que eu passei procuro guardar e aprender algo com isso. É dai que saem as lições de vida, por mais que a gente erre sempre devemos aprender com essas burradas. Disse em meu texto anterior que me orgulho dos meus defeitos, e me orgulho sim mas dos meus erros não, sofro as conseqüências deles até hoje. se antes soubesse de tudo que sei agora faria muitas coisas pelo avesso. teria sido mais eu, eu fui a que todos quiseram que eu fosse, menos quem eu queria ser. Mas hoje eu penso que se dane, goste de mim como eu sou, com meus defeitos e manias que bagunçam sua cabeça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário